Como organizar a alimentação das crianças durante uma viagem

Cuidados para facilitar e reduzir impactos

Essa é uma questão a ser vivida por todo mundo que tem criança pequena e vai planejar uma viagem, principalmente se for para o exterior. Quando eles são bebês em amamentação exclusiva é mais simples, mas quando já comem e ainda estão bem pequenos, precisamos ter uma certa atenção.

Esse foi exatamente o meu caso na viagem de férias que fizemos para Buenos Aires. A minha filha, com 1 ano e 10 meses, come bem e de tudo, mas como qualquer bebê, ela tem uma rotina bem estruturada e que quando muda muito, já viu…
Além dos nossos cuidados naturais, a viagem em si já é uma overdose de novidade para uma criaturinha já em fase de descobertas tão intensas. A alimentação fica, inevitavelmente, prejudicada.

Até a gente sai dos trilhos, né não?!

Vamos às dicas?!

1. Ao reservar a sua hospedagem busque lugares que tenham uma cozinha que você possa usar. Eu diria que nada melhor que um apartamento no airbnb, mas há apart-hotéis e até albergues ou bed and breakfast que, dependendo do lugar, podem ser uma ótima opção.

2. Leve de casa “guloseimas” habituais, como frutas secas e biscoitinhos que já sejam queridos conhecidos do seu
pequeno.

3. Separe um “kit papá” para ter com você. Ele pode conter (como o meu da foto), por exemplo, potinhos para levar os snacks nos passeios, pote térmico para levar uma marmitinha e garrafa térmica para levar água fresca.kit-papa

4. Logo que chegar ao seu destino, procure se abastecer das frutas preferidas e tente garantir itens para um café-da-manhã ou lanche caprichado.

5. Pense em alternar os horários e em alguns dias sair mais tarde ou chegar mais cedo. Ofereça uma das refeições em um formato caseiro. Nesse caso, legumes co
ngelados e grãos enlatados (como lentilha, grão de bico ou feijão) podem ajudar.

6. Pesquise restaurantes que tenham opções infantis saudáveis. Pode ser só para você ter a opção de marmitinha do dia. Em Buenos Aires encontrei a Green Eat.

7. Divirta-se e relaxe! O pequeno provavelmente vai comer bobagem assim como você. Converse com seu bebê sobre tudo, inclusive essas mudanças temporárias. Férias são férias, mas em casa, tudo voltará ao normal.

E você tem alguma dica para a organização da alimentação das crianças durante as férias?

Bjs

Maíra

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: